Queijo Fresco












Eu gosto muito de queijo fresco! Sempre que tenho oportunidade faço-o em casa. Fazer queijo fresco é facílimo e sai muito mais em conta do que comprar já feito. Além do mais sabemos com que leite é feito e podemos controlar a quantidade de sal. O leite tem de ser fresco, não pode ser leite pasteurizado senão não vai coalhar (solidificar), ou seja, tem de ser leite fresco do dia vindo diretamente das vaquinhas. Já há no mercado leite fresco do dia à venda, é uma questão de procurar, mas se tiverem a possibilidade de usar leite biológico melhor! Para os queijos que vêem nas fotos (1 grande e 2 pequenos) usei 5 litros de leite fresco. Eu sei que à primeira vista pode parecer muito leite, mas acreditem que não é pois vai libertar muito soro. Quanto à quantidade de coalho (produto que se usa para que o leite se transforme em queijo), depende do tipo de coalho que se utiliza (líquido ou em pó). Há quem utiliza imenso coalho, tipo 25 gotas por litro. Eu acho isso um exagero. O queijo fresco quer-se suave e não uma textura aborrachada. O queijo tem de ser fino, como dizemos cá nos Açores! Eu usei 20 gotas de coalho líquido para 5 litros de leite. O coalho já é facilmente encontrado nos supermercados, mas existe também em mercearias do comércio tradicional e até nalgumas farmácias. É um produto barato e que dá para imensas utilizações. Há quem ainda junta leite em pó ao queijo fresco mas acho isso completamente desnecessário. Quanto ao sal é a gosto, não convém ser demasiado, mas também não convém ser de menos pois o sal ajuda a conservar o queijo e faz também com que fique mais saboroso! Vamos à receita?!


Queijo Fresco:

5 litros de leite fresco do dia (leite biológico);
20 gotas de coalho líquido;
2 colheres de sopa de sal grosso;

Num tacho coloca-se o leite e aquece-se até 40º no máximo (podem aquecer o leite na bimby à temperatura exata). Eu não tenho termómetro por isso é a "dedómetro", isto é, coloco o dedo e quando sentir que deixou de estar morno e já está quente e conseguir manter o dedo por mais de 10 segundos então está no ponto. Junta-se o coalho e o sal e mistura-se bem. Deixa-se repousar entre 30 minutos a 1 hora, vai-se perceber logo quando já está coalhado pois vai parecer uma espécie de gelatina, é uma questão de ficar atento. Quando estiver coalhado dá-se uns cortes com uma faca ou mexe-se com uma concha e transfere-se para um passador de rede fina e coloca-se o passador por cima de uma taça (ou mesmo do tacho que se utilizou) cerca de 15 a 30 minutos para que o queijo liberte a maior parte do soro (eu costumo colocar um tecido fino tipo musseline dentro do passador). Depois é só colocar nos cinchos (aros próprios para fazer queijo) em cima de um tabuleiro e calcar bem. Enche-se bem os cinchos pois acaba sempre por abater um pouco e vai ao frigorífico. Algum tempo depois vira-se os cinchos ao contrário. Isto ajuda a que o queijo fique bem compacto de ambos os lados e ajuda também a libertar o soro. Passadas algumas horas desenforma-se e guarda-se no frigorífico!

Nota: quem não tiver cinchos pode usar um passador de rede para fazer o queijo ou qualquer tipo de aro (se for perfurado é o ideal para ajudar a libertar o soro).

40 comentários:

  1. Que lindos os teus queijinhos!!! Infelizmente cá não encontro leite do dia, só pasteurizado, o que não dá para fazer. Já experimentei uma vez uma receita da Bimby, mas tinha que levar leite em pó e francamente achei que ficava doce e sem nada a ver com os nossos tradicionais.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É uma pena que não permitam irmos comprar leite fresco diretamente à fábrica ou ao produtor. Querem definitivamente acabar com o que é natural e tradição. O queijo fresco feito em casa é muito melhor do que qualquer um que haja à venda. Beijinhos

      Eliminar
  2. Nao sou fan de queijo mas gosto em bolos outras coisas o porqué nao sei mas os teus eles estao 5* parabens bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada! Já eu adoro todo o tipo de queijo! Beijinhos

      Eliminar
  3. Que fartura minha querida!
    Amo queijo, obrigada por mais essa receita preciosa, amei!

    Beijinhos no seu ♥

    ResponderEliminar
  4. É o único queijo que gosto! Bem simples de fazer, difícil é encontrar o lei te biológico. beijinhos

    http://aquivive-se.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso é mesmo o mais difícil, mas conseguindo vale muito a pena. Eu adoro queijo fresco, às vezes ainda está a coalhada e já lá estou a tirar um pouco para pôr numa fatia de pão! Beijinhos

      Eliminar
  5. Há muito que não faço queijo fresco, ver esses deu-me saudades.
    Ficaram lindos
    Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  6. Queijos com excelente aspeto!
    Bjs

    ResponderEliminar
  7. Que espectáculo Elisabete, queijo fresco caseiro! :) Eu adoro mas nunca pensei em faze-lo em casa. Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu gosto de fazer e adoro comer! E feito em casa sei exatamente o que leva e como foi feito! Beijinhos

      Eliminar
  8. Gosto muito!
    Minha mãe fazia mas eu nunca fiz!!! Bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É um hábito que herdei da minha mãe! Beijinhos

      Eliminar
  9. Adoro, quando vamos à terra fazemos, queijo de cabra, uma delícia!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  10. Eu adoro queijo fresco e já cheguei a fazer por cá mas acho que o resultado se aproximou mais do requeijão. Agora tu fizeste uma dose industrial, se não fosse tão longe aparecia por aí e fazia-me já de convidada ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahah! Pode parecer muito mas comigo desaparece num instante! Adoro queijo fresco! Beijinhos

      Eliminar
  11. Adoro queijo fresco, todas as semanas quando vou à praça é paragem obrigatória, queijo fresco acompanhado de uma boa Broa.
    Nunca fiz, realmente parece fácil, vou tomar nota da tua receita.
    Quanto ao leite por aqui nunca vi á venda, ou se calhar nunca reparei, vou estar atenta á próxima ida ao supermercado.
    Beijinho grande Elisabete e bom domingo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso que existe leite do dia da marca vigor, e possivelmente deve existir outras marcas mas não conheço. Beijinhos

      Eliminar
    2. Existe da marca vigor, e o melhor é o leite gordo, no entanto para não colocar leite em pó, tem que se por 50 gotas de coalho. Há leite fresco no Aldi, mais barato e não necessita de leite em pó e basta 20 gotas de coalho. Desculpa Cozinha100segredos, meter-me na tua conversa. beijinhos

      Eliminar
    3. Eu uso apenas 20 gotas de coalho sem leite em pó e é suficiente, fica bem consistente e sem aquela textura aborrachada que às vezes os queijos têm e da qual eu não gosto. Mas isto faço sempre com leite vindo diretamente das vaquinhas, nunca usei do leite fresco que à venda pois aqui não há, por isso não sei como fica. Não tens de pedir desculpa, até agradeço, é bom ter a opinião de quem já experimentou o leite fresco que há no supermercado. Obrigada! Beijinhos

      Eliminar
  12. Obg minha querida! Uma ótima semana beijinhos

    ResponderEliminar
  13. Ficaram lindos. eu já fiz na bimby, os primeiros não correram bem, pensei de ser da marca do leite, troquei. Depois os seguintes, até que sairam bonitinhos, mas não gostei do gosto, não voltei a repetir a receita, até de acabei por deitar o coalho fora...
    Beijinhos e boa semana.
    Ahh tenho um pucaro desses, já é tão antigo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Faço sempre assim e nunca correu mal. Podia fazer na bimby mas há coisas que continuo a gostar de fazer de modo tradicional!
      Este púcaro por acaso é novo! Assim que o vi numa loja comprei-o logo pois é igualzinho a um que eu usava quando ia para casa de uma tia! Este, apesar de ser novo, já traz aquelas marcas a imitar o antigo como se já tivesse sido usado. Teve piada pois no dia que o comprei o meu marido ainda refilou comigo "então foste comprar mais um tareco, ainda por cima com defeito?!", mas não resisti! Traz-me muitas boas memórias este púcaro! E curiosamente a minha tia também lhe chamava assim, tão bom que foi recordar isto agora! beijinhos

      Eliminar
  14. Gosto muito de queijo fresco. Recordo os tempos na aldeia em que se fazia o queijo com leite de cabra. Nunca fiz, tive sempre a ideia de que era muito difícil. Estão muito bonitos e, devem ser deliciosos. bjs

    ResponderEliminar
  15. Que maravilha!!! Ficaram lindos ^_^
    Beijinho e bom feriado 25 abril.

    Blogue Recanto com Tempero

    ResponderEliminar
  16. Que excelente receita, ficou com tão bom aspecto este queijo fresco :P

    Tenho pena de por aqui não arranjar leite fresco para poder experimentar =(

    De aprendiz a chef

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando fores às compras ao supermercado repara a ver se tem, há em alguns supermercados. Depois de fazermos o nosso queijo fresco em casa não mais queremos comprar! Beijinhos

      Eliminar
  17. Eu adoro, mas nunca fiz em casa! Fiquei com vontade de fazer um assim, gigantone :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahah! É verdade, fiz um gigantone! Mas comeu-se num instante! Beijinhos

      Eliminar
  18. Realmente parece muito fácil e com um devorador de queijo fresco em casa tenho mesmo de experimentar fazer.
    Já agora, quanto tempo aguenta no frigorífico? Caso não seja consumido compulsivamente Eheheheh

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredite, é muito fácil (apesar de ser um pouquinho demorado) e fica muito bom. Vale a pena, até porque sabemos exatamente o que estamos a comer. Muitas vezes os que se compram feitos têm aditivos e conservantes para durarem mais tempo. O caseiro ainda aguenta alguns dias, depende. Mesmo dentro do frio, no inverno aguenta sempre mais do que no verão. O soro do queijo azeda mais rápido por isso não convém que o queijo fique mergulhado no soro. Dura praticamente 5 dias no frio sem azedar. Mas quando começar a azedar percebe-se logo pelo cheiro e pelo sabor. E também quanto mais sal levar mais dias se conserva. Contudo, quando se fizer o queijo, a temperatura da cozinha não deve estar muito quente, convém mesmo que esteja fresquinho e arejado dentro da divisão para evitar que o queijo azede durante o processo. Mas se achar 5 litros demasiado pode fazer metade, ou seja, 2,5l para 10 gostas de coalho. Quanto à quantidade de sal da receita, não costumo colocar muito mas é uma questão de provar e ver se precisa mais sal para o vosso gosto. Espero ter ajudado! Qualquer coisa disponha, estarei à disposição! Obrigada pela visita! E se fizer diga como correu e se gostou! Beijinhos

      Eliminar

Grata por passarem pela minha cozinha!